sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Cemitério de Carnide

Parte do terreno do cemitério, que continua a aguardar soluções para resolver o problema da decomposição dos corpos, está a ser usado pela PSP como depósito de viaturas.
«Era para ser um cemitério diferente do habitual, onde não se vêem campas e sim um enorme relvado», afirma o presidente da Junta de Freguesia de Carnide. Paulo Quaresma critica o estado de desleixo a que foi votado o recinto, agora transformado em cemitério de carros.
A área de terreno baldio, que virá a ser ocupada com mais sepulturas, foi invadida por viaturas trazidas pela PSP. Fonte do gabinete do vereador Sá Fernandes (pelouro dos Espaços Verdes), citada pela Lusa, adianta que os carros serão retirados «em breve», mas não foi ainda decidido o local de depósito.



Sem comentários: